Relações entre estresse e ansiedade.

ESTRESSE E ANSIEDADE

Pessoas estressadas geralmente são ansiosas e pessoas ansiosas podem sentir-se estressadas. Tanto o estresse quanto a ansiedade trazem uma perturbação no equilíbrio interno, disparando, diversas manifestações fisiológicas e comportamentais e essa perturbação quando em excesso, pode trazer consequências comprometedoras para a vida do indivíduo, passando de reação natural a transtorno.

Os acontecimentos da vida estressantes podem precipitar episódios de ansiedade, por exemplo, a insegurança em desenvolver uma determinada tarefa pode gerar ansiedade e de forma excessiva, pode resultar em estresse. É preciso estar atento as sinalizações do organismo como alterações do sono, cansaços físicos e mentais, dores de cabeça, alterações na libido, no apetite, taquicardia, tensão muscular, irritabilidade, entre outras.

As situações ambientais também podem ser provocadoras de estresse, como por exemplo, a morte de um ente querido, doença familiar e acontecimentos menores vivenciados em diversas situações do dia a dia, como perder coisas, tensão no trabalho, ouvir o som do despertador ou o barulho provocado por vizinhos e situações que geram estresse relativamente intenso e que persistem ao longo do tempo, como por exemplo, mudanças importantes na vida, como iniciar um novo emprego, casar-se ou separar-se, o nascimento de um filho, sofrer um acidente, podem gerar resposta de estresse nos indivíduos a elas expostos. Avaliar a ocorrência destes eventos pode ser uma forma de tomar conhecimento desse grande desconforto psíquico.

A resposta ao estresse depende, em grande medida, da forma como o indivíduo processa a informação e sua interpretação sobre as situações a serem considerados como relevantes, agradáveis, aterrorizantes, etc., o que determina o modo de se ver e de se comportar diante da situação e a forma como será afetado pelo estresse. Por isso, é importante conhecer os sinais e sintomas para tratar precocemente. Hoje as pessoas vivem num descompasso entre a quantidade de trabalho, trânsito, problemas familiares e com o tempo isso vai causando um desgaste permanente que atinge o limite de cada um e se torna uma doença.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s